UOL Esporte - Copa 2006UOL Esporte - Copa 2006
UOL BUSCA

14/07/2006 - 14h25

Após oito anos, Arena deixa comando dos Estados Unidos

Das agências internacionais
Em Washington (Estados Unidos)
Bruce Arena anunciou nesta sexta-feira que não será mais técnico da seleção dos Estados Unidos.

Reuters

Arena levou os Estados Unidos às quartas-de-final na Copa de 2002

A equipe, que foi eliminada da Copa do Mundo ainda na primeira fase, deixou a competição após duas derrotas para República Tcheca e Gana e um empate por 2 a 2 contra a Itália.

Arena, de 54 anos, foi o técnico de melhor desempenho da história da seleção, com 71 vitórias em 130 partidas disputadas à frente do time em oito anos de cargo.

"O sucesso de Bruce Arena não tem precedentes", afirmou o presidente da federação americana, Sunil Gulati. "Ele alcançou muito mais do que resultados. Ninguém nunca fez tanto para levantar o moral e o respeito de nossos homens no mundo todo."

"Somos gratos pelos anos de serviços prestados por Bruce para o futebol nacional. Agora procuramos alguém que continue o trabalho e mantenha o sucesso estabelecido em nossa organização."

Segundo a federação, a busca por um sucessor para Arena deve começar imediatamente. "Oito anos é um longo período", afirmou Gulati. "Não estou dizendo que precisamos mudar de direção, porque Bruce fez um trabalho extraordinário, mas mudanças são sempre positivas."

"Tenho orgulho do quão longe chegamos nos últimos anos e estou muito otimista sobre o futuro do esporte em nosso país", afirmou Arena em comunicado oficial.

"Quanto a mim, estou planejando em tirar um tempo de folga para pensar minhas futuras oportunidades."

O grande mérito de Arena como técnico americano foi levar a seleção às quartas-de-final na Copa de 2002.

SELEÇÕES